a urgência de sermos

Conscientes. Inteiros. A existência no planeta está ameaçada como nunca antes. Ainda que a história nos fale de momentos que possam parecer iguais à primeira vista, não são. Não houve outro momento na história da humanidade no qual tivemos tamanho abuso dos recursos naturais e humanos, ao ponto que assistimos

2021, astrologicamente falando

Em 2019 escrevi esse texto dizendo que 2020 seria um ano ponte entre o velho e o novo mundo que precisamos construir, quando alguns ciclos estavam se fechando enquanto outros estavam se iniciando, e que muitas estruturas precisariam ruir para que o novo pudesse nascer. Não me parece que foi

abacateiro não dá manga

É possível imaginar uma cena com alguém ficando muito bravo com o abacateiro porque seu fruto é o abacate e não a manga? Ou ver alguém rezando ao pé do abacateiro, implorando que ele dê manga ao invés de abacate? Parece óbvio que não, né? Pode parecer óbvio quando olhamos

fake news para fake people

Todos somos consciência e inconsciência, corpo e alma, mente e coração, carne e espírito, matéria e transcendência, feminino e masculino, Ego e Self…. Dualidades que se apresentam em nós a partir do filtro da existência neste planeta. Integrar as dualidades em si, integrar-Se é o maior desafio do viver. Nascemos

um olhar transcendente sobre a pandemia

Transcender é transpassar e ascender. Exercício de tentar ver além e por cima de algo. Ampliar o olhar além da dimensão imediata e de curto prazo que se apresenta a nossa frente. É aí que tenho focado meu olhar sobre a pandemia. E o que vejo é que ela esfrega

dia internacional de devoção ao feminino

Sempre que chega o Dia da Mulher fico sem saber o que falar. Não sei exatamente porquê. Então hoje resolvi tentar refletir sobre isso aqui, tentando escrever para me entender. Não sou das que manda parabéns nem publica nada nas redes nesse dia. Porque simplesmente não tenho clareza do que

textos especiais nos equinócios e solstícios por email? Assine.

nunca compartilharemos seus dados

sobre o blog

Esse blog nasceu de um constante mergulhar em mim mesma e no universo ao meu redor.

Traduzir em palavras os sentimentos que me atravessam me ajuda a organizá-los e refleti-los.

Perguntar-nos ‘Quem sou eu?’ é pra que estamos aqui! E eu espero te inspirar a explorar esse tema.

about the blog

This blog was born from the constant dive into myself and the universe around me.

To reflect into words the feelings that emerge, helping me to organize and translate them.

To ask ourselves ‘Who am I?’ is what we are here for! I hope this blog inspires you to explore it.