Esse blog nasceu de um constante mergulhar em mim mesma e no universo ao meu redor. Traduzir em palavras os sentimentos que me atravessam me ajuda a organizá-los e refleti-los. 

Perguntar-nos ‘Quem sou eu?’ é pra que estamos aqui! E eu espero te inspirar a explorar esse tema.

CARL GUSTAV JUNG (1875-1961) Minha vida é a quintessência do que escrevi e não ao contrário. O que sou e o que escrevo são uma só coisa. Todas as minhas idéias e todos os meus esforços, eis o que …
CARL GUSTAV JUNG (1875-1961) Minha vida é a quintessência do que escrevi e não ao contrário. O que sou e o que escrevo são uma só coisa. Todas as minhas idéias e todos os meus esforços, eis o que …
CARL GUSTAV JUNG (1875-1961) Minha vida é a quintessência do que escrevi e não ao contrário. O que sou e o que escrevo são uma só coisa. Todas as minhas idéias e todos os meus esforços, eis o que …
Quem sou eu? Quais etiquetas eu uso para me apresentar? Sou mulher, psicoterapeuta, tenho 52 anos, mãe de um menino de 17 anos, moro em São Paulo, sou taurina com ascendente escorpião… Mas o que isso de fato diz …
Quem sou eu? Quais etiquetas eu uso para me apresentar? Sou mulher, psicoterapeuta, tenho 52 anos, mãe de um menino de 17 anos, moro em São Paulo, sou taurina com ascendente escorpião… Mas o que isso de fato diz …
Quem sou eu? Quais etiquetas eu uso para me apresentar? Sou mulher, psicoterapeuta, tenho 52 anos, mãe de um menino de 17 anos, moro em São Paulo, sou taurina com ascendente escorpião… Mas o que isso de fato diz …
Jung fala em 6 dimensões do Ser. A inteireza do Self tem pilares. Eu e meu corpo. Eu e meu trabalho. Eu e minhas relações afetivas. Eu e minha família de origem e de destino. Eu e o mundo …
Jung fala em 6 dimensões do Ser. A inteireza do Self tem pilares. Eu e meu corpo. Eu e meu trabalho. Eu e minhas relações afetivas. Eu e minha família de origem e de destino. Eu e o mundo …
Jung fala em 6 dimensões do Ser. A inteireza do Self tem pilares. Eu e meu corpo. Eu e meu trabalho. Eu e minhas relações afetivas. Eu e minha família de origem e de destino. Eu e o mundo …
É possível imaginar uma cena com alguém ficando muito bravo com o abacateiro porque seu fruto é o abacate e não a manga? Ou ver alguém rezando ao pé do abacateiro, implorando que ele dê manga ao invés de …
É possível imaginar uma cena com alguém ficando muito bravo com o abacateiro porque seu fruto é o abacate e não a manga? Ou ver alguém rezando ao pé do abacateiro, implorando que ele dê manga ao invés de …
É possível imaginar uma cena com alguém ficando muito bravo com o abacateiro porque seu fruto é o abacate e não a manga? Ou ver alguém rezando ao pé do abacateiro, implorando que ele dê manga ao invés de …
Em meados de 2015 eu machuquei o joelho numa aula de dança; putz que coisa chata!! foi o que que senti. E sofri. Parei o pilates e comecei a fisioterapia. Tudo melhorou, mas quando praticava yoga voltava alguma dor. …
Em meados de 2015 eu machuquei o joelho numa aula de dança; putz que coisa chata!! foi o que que senti. E sofri. Parei o pilates e comecei a fisioterapia. Tudo melhorou, mas quando praticava yoga voltava alguma dor. …
Em meados de 2015 eu machuquei o joelho numa aula de dança; putz que coisa chata!! foi o que que senti. E sofri. Parei o pilates e comecei a fisioterapia. Tudo melhorou, mas quando praticava yoga voltava alguma dor. …
Conheci essa linhagem do yoga da caxemira ano passado, na primeira vinda de Mariette Raina ao Brasil, quando participei de um workshop de 3 dias em Julho. Depois, fui ao segundo workshop dela no Brasil, em Novembro do ano passado …
Conheci essa linhagem do yoga da caxemira ano passado, na primeira vinda de Mariette Raina ao Brasil, quando participei de um workshop de 3 dias em Julho. Depois, fui ao segundo workshop dela no Brasil, em Novembro do ano passado …
Conheci essa linhagem do yoga da caxemira ano passado, na primeira vinda de Mariette Raina ao Brasil, quando participei de um workshop de 3 dias em Julho. Depois, fui ao segundo workshop dela no Brasil, em Novembro do ano passado …
Uma das primeiras coisas que digo para alguém que começa um processo terapêutico comigo é: tenha um caderno de sonhos. Compre um novo caderno, desenhe uma capa linda para ele se quiser, mas tenha um, novo, com esse objetivo: …
Uma das primeiras coisas que digo para alguém que começa um processo terapêutico comigo é: tenha um caderno de sonhos. Compre um novo caderno, desenhe uma capa linda para ele se quiser, mas tenha um, novo, com esse objetivo: …
Uma das primeiras coisas que digo para alguém que começa um processo terapêutico comigo é: tenha um caderno de sonhos. Compre um novo caderno, desenhe uma capa linda para ele se quiser, mas tenha um, novo, com esse objetivo: …

tags left

tags right

textos especiais nos equinócios e solstícios por email? Assine.

nunca compartilharemos seus dados

sobre o blog

Esse blog nasceu de um constante mergulhar em mim mesma e no universo ao meu redor.

Traduzir em palavras os sentimentos que me atravessam me ajuda a organizá-los e refleti-los.

Perguntar-nos ‘Quem sou eu?’ é pra que estamos aqui! E eu espero te inspirar a explorar esse tema.

about the blog

This blog was born from the constant dive into myself and the universe around me.

To reflect into words the feelings that emerge, helping me to organize and translate them.

To ask ourselves ‘Who am I?’ is what we are here for! I hope this blog inspires you to explore it.